6 de ago de 2016

‘Miracema Pode Mais’ realiza convenção e oficializa dupla Moisés e Saulo


Por volta das 19h teve inicio uma solenidade na sede do Diretório do PMDB local, quando aconteceu o evento de oficialização do presidente do partido Moisés Costa da Silva, conhecido por Moisés da Sercom, como candidato a prefeito de Miracema do Tocantins e o vereador Saulo Milhomem/PRTB, como candidato a vice-prefeito.

Após a composição da mesa diretora composta pelos peemedebistas, governador Marcelo Miranda e a primeira-dama, deputada federal Dulce Miranda, Moisés da Sercom com sua esposa Camila e Saulo Milhomem e a esposa Maynara, e ainda o presidente estadual do partido, Derval de Paiva, deputado estadual Nilton Franco e professor Urano Nolasco. Numa área reservada ficaram os presidentes dos partidos e candidatos a vereador.

Pela ordem falaram Professor Urano, Derval de Paiva, Nilton Franco, Saulo Milhomem, Moisés Costa, Dulce Miranda e Marcelo Miranda.

O popular articulador político da cidade, professor Urano Nolasco, com 80 anos de idade, 60 deles na militância política, lembrou que em todas as campanhas políticas que participou saiu vencedor, “porque analiso o candidato antes de tudo para ver se ele tem realmente condições”, disse, assegurando que Moisés preenche todos os predicativos necessários para ser um grande administrador.

“Estou feliz demais da conta”. Assim Derval de Paiva, expressou sua alegria, ao falar sobre o candidato a prefeito e a escolha do vice. “Feliz de ver uns jovens sérios e corretos como Moisés e Saulo, preparados para administrar uma cidade tão importante para o Tocantins, como Miracema”, disse.

Já o deputado Nilton Franco confessou que tremeu ao chegar ao recinto e ver a vibração popular e a esperança no candidato Moisés. “Um homem sério e organizado que vai trazer desenvolvimento para Miracema”, disse, ressaltando seu compromisso de ajudar Moisés a trabalhar pelo município e observou que a escolha do vice Saulo saiu da boca do povo e que “essa dupla vai fazer a diferença”. 

Por sua vez, em seu pronunciamento Saulo agradeceu a Moisés pela firmeza e compromisso na escolha e manutenção de seu como para pré-candidato a vice-prefeito. Agradeceu ainda ao coordenador do grupo ‘Miracema Pode Mais’, Aprijo da Farmácia/PTB pela organização do grupo e perseverança no objetivo de promover uma mudança na política de Miracema e a seu pai Antonio Milhomem, “a quem eu tenho orgulho de ser filho”, destacou. Comprometeu-se a trabalhar ao lado de Moisés em todos os momentos para ganhar esta eleição e avisou: “Lá eles têm a máquina, aqui nós temos o povo!”

Bastante ovacionado, Moisés falou desta vez já como candidato a prefeito, ao som da canção do Pe. Marcelo Rossi, ‘Vai dar tudo certo’.
“A partir de hoje não serei só da família Costa da Silva e sim da família miracemense”, disse sob forte emoção, após agradecer o coordenador Aprijo e todo o grupo pela escolha de seu nome e a seu recém falecido pai pelos ensinamentos que recebeu.

Moisés alertou o grupo, principalmente os candidatos a vereador, que agora as provocações dos opositores vão aumentar e pediu que mantivessem a acalma, a confiança e o respeito a todos, fazendo analogia a oração de São Francisco: “Onde encontrar ofensas, deixe o perdão; onde tiver desespero, leve a esperança”. 

Assegurou que vai trabalhar diuturnamente pelo desenvolvimento da Educação, Segurança Pública, Saúde e toda Infra estrutura do município, pontuando que o Campus da UFT estará sendo beneficiado com ampliação física e criação de cursos, e que vai procurar junto ao Governo do Estado, fazer com que o Hospital de Referencia tenha condições melhores de atendimento com mais especialistas, equipamentos e estrutura logística.

Falou sobre sua ida ao Palácio Araguaia, onde sentiu o carinho que o governador Marcelo Miranda tem por Miracema, “Cada centavo que o município receber do Estado, vamos dar uma contra partida para ampliação do beneficio”, observou.

Por fim, pediu que elegessem a maioria de seus candidatos a vereador para assegurar a governabilidade que Miracema precisa para o desenvolvimento, “Minha linha de trabalho é o povo, a mesma linha que tem o deputado Nilton Franco, a deputada federal Dulce Miranda e o governador Marcelo Miranda”. 

Ao lembrar que saiu do campo para a cidade aos 18 anos, falou que conhece a luta dos pequenos produtores, das famílias do campo e suas dificuldades e por isso “vou trabalhar também por eles”. E encerrou seu pronunciamento, lamentando que alguns adversários o chamassem de ‘pé de chinelo’ e que não pode sequer comprar um terno e quer ser prefeito. E desabafou: “Se preciso for, pelos miracemenses, irei trocar o terno da comodidade pelas sandálias da humildade”.

Encerrando a solenidade, falaram a deputada federal e primeira-dama do Estado Dulce Miranda e o governador Marcelo Miranda.

“Fiquei com os olhos cheios de lagrimas”, disse ao fazer referencia ao calor humano que os miracemense dedicaram ao casal da Corte Estadual.

Falou sobre o amor que o casal tem por Miracema e parabenizou a escolha do candidato a prefeito, “Não é a toa que ele se chama Moisés, o nome daquele que abriu o mar para salvar seu povo”, e lamentou que nunca recebeu uma visita da prefeita Magda Borba/PSD. “Eu nunca recebi a visita da prefeita de Miracema”.

Dulce Miranda finalizou conclamando a população a votar em Moisés e Saulo no próximo dia 2 de outubro, para promover uma mudança em Miracema do Tocantins.
Marcelo Miranda começou seu discurso exaltando o que viu: “É uma transformação humanitária, Deus está presente”.

Fez uma retórica sobre sua vida pública, lembrando que sempre foi grato a Miracema que jamais deixou de lhe estender as mãos. Contou que em sua primeira eleição para deputado, chegou em 1990 a Miracema para acompanhar a escrutinação das cédulas eleitorais e mesmo desacreditado por muitos, “Miracema me deu a felicidade de conferir meus 2.490 votos que me elegeram deputado estadual”, e emendou, “depois tive três eleições para governador com a força dessa cidade”.

Em seguida elogiou o pronunciamento do candidato a prefeito, “Belo discurso Moisés, você já me deu tarefas a cumprir” e alertou o candidato sobre as dificuldades da vida pública, onde tudo é prioridade, “Mas não deixe a esposa para segundo plano”, alertou, justificando que “ela vai sempre compreender suas ausências devido o trabalho, mas sempre diga - Eu vou e volto”.

Disse que Moisés se mostrou bastante preparado para administrar e quando falou em parceria Governo/Prefeitura e Iniciativa Privada, sabia o que estava falando quando se busca desenvolvimento e que o Governo vai estar junto porque Miracema merece e tem direito.

Por fim falou sobre a importância do evento, “Foi uma noite extraordinária” e exaltou a qualidade do grupo que conduziu Moisés a uma candidatura vencedora, “Um time que surgiu para honra do Tocantins e do Brasil”.


(Da Redação/MIRA Jornal)

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fechar


 


Galeria de Fotos