28 de jan de 2016

Três cidades abaixo de UHE em alerta

Rio Tocantins fica acima do nível normal em Tocantinópolis

As três cidades localizadas abaixo da Usina Hidrelétrica Luís Eduardo Magalhães, em Lajeado, a 55 km de Palmas, estão em alerta devido à alta no Rio Tocantins e a necessidade de abertura das comportas da usina. Segundo a Defesa Civil Estadual, não há registro de desabrigados.
O boletim da Defesa Civil divulgado ontem informa que a UHE opera com vazão de alerta de quatro mil metros cúbicos por segundo, mas ontem estava com a vazão de cerca de sete mil metros cúbicos. Diante disso, a usina abriu as comportas para manter o nível normal do reservatório. As comunidades ribeirinhas de Lajeado, Miracema e Tocantínia devem ficar em alerta. “O volume do rio está alto. O ideal é que se mantenham afastados das margens e leitos. Mas, se for necessário adentrar ao rio, que se faça com as devidas precauções”, informou o major Diógenes Madeira, secretário-executivo da Defesa Civil.
Tocantinópolis
Em Tocantinópolis, Extremo Norte do Estado, o nível do Rio Tocantins está cinco metros acima do normal no trecho que passa pelo município. O major explicou que a parte baixa da cidade está alagada, mas que nenhum morador está em risco.
Já a UHE Peixe Angical, no município de Peixe, no Sul do Estado, teve redução em sua vazão, que chegou a oito mil metros cúbicos por segundo nos dias 22 e 23 de janeiro, ocasionando a necessidade de abertura das comportas. Ontem, conforme o boletim, a vazão estava abaixo de três mil metros cúbicos. A vazão de alerta normal é de cinco mil metros cúbicos por segundo, acima disso há a necessidade de abertura das comportas.


Fonte: Jornal do Tocantins


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fechar


 


Galeria de Fotos