27 de ago de 2015

Apoiado por Cristiano Araújo, "mini Luan" se destaca em boy band sertaneja

O cantor Hugo Henrique, 11 anos
Nem só de duplas é feita a música sertaneja. Na última sexta-feira (21), o garoto Hugo Henrique, 11 anos, chamou a atenção do público na Festa do Peão de Barretos ao cantar com Wesley Safadão e Luan Santana as músicas "Cê Que Sabe" e "Efeitos", em homenagem a Cristiano Araújo. A apresentação foi a estreia do grupo Troia, a autointitulada "primeira boy band sertaneja do país". 

O Troia é formada por Hugo Henrique, seu irmão Felipe de Paula, 20, e os amigos Michel Plattiny, 20, e Phellipe Piccini, o PH, 19. O primeiro show oficial vai rolar apenas no dia 11 de outubro, em São Paulo, mas o clipe da música "Ainda" já foi divulgado e está com quase 200 mil visualizações no YouTube.




Embora os garotos cantem sertanejo, eles se comportam no palco como um verdadeiro grupo pop, com todos se revezando nos vocais, coreografias e momentos solos. "Gosto muito de Backstreet Boys e One Direction", diz Hugo. "Dos sertanejos eu gosto de Jorge & Mateus, Bruno & Marrone e Thiago Brava", contou.

Enquanto os outros garotos da banda já concluíram o ensino médio, Hugo, que está na 5ª série, intercala os shows com o estudo. "Acho que nasci cantando. Com cinco anos, eu fui no programa da Ana Hickmann como o 'mini Luan Santana'. Depois fui cantar no Raul Gil e conheci o Cristiano Araújo", lembra.





A banda Troia



A boy band foi criada neste ano pelo empresário Wilton Carlos, do mesmo escritório do cantor Thiago Brava, que, segundo Felipe, estava buscando algo inédito no segmento do sertanejo. "Achei a ideia da boy band inovadora", diz Felipe. "Nosso som é sertanejo com pegada pop. Em algumas músicas, cantamos todos juntos, mas sem perder a característica do estilo", explica o artista que, além de sertanejo, curte também pop, eletrônica, MPB, samba e pagode.

Experiência
Antes de formarem o grupo, todos os integrantes já cantavam em outros projetos. O mais jovem, o paulista Hugo Henrique, tem até disco solo lançado, "Anjo Sem Asas". "Homenagear o Cristiano em Barretos foi muito emocionante. Se eu virei cantor é por causa dele, que apareceu de surpresa no programa do Raul Gil e me apoiou desde o começo", lembra.

O irmão mais velho de Hugo, Felipe, canta desde os 12, mas começou a se apresentar ao vivo apenas aos 14 anos, acompanhando Hugo nos programas de TV. "Eu ia fazer faculdade de publicidade mas decidi adiar para acompanhar meu irmão e seguir o nosso sonho de cantar", conta.

Os outros dois integrantes do grupo são de Goiás. Michel Plattiny (que ganhou esse nome em homenagem ao jogador de futebol francês) começou aos 12 anos, fazendo shows em churrascarias e barzinhos, tocando violão, viola caipira e guitarra. O último integrante é PH, que aos 15 formou uma dupla chamada João Pedro e Felipe, que durou três anos e se desfez no início de 2015.

"Na idade do Hugo, eu não fazia nada além de estudar e só tirava notas baixas. Mas ele, além dos shows, consegue ir muito bem na escola", elogia o irmão mais velho. "Por enquanto ainda estamos apenas divulgando o nosso trabalho, mas a expectativa para o primeiro show oficial está grande", diz Felipe.



Banda Troia é formada por Hugo Henrique, Felipe, Michel e PH




Fonte: Uol



Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fechar


 


Galeria de Fotos